JurídicoNotícias

AJN ajuizou ação contra a suspensão das consignações

A Assessoria Jurídica Nacional (AJN) do SINASEFE ajuizou na quarta-feira (10/06) uma Ação de Procedimento Ordinário com pedido de Tutela Provisória de Urgência contra o Decreto nº 10328/2020 do Ministério da Economia, que dispõe sobre a gestão das consignações em folha de pagamento no âmbito do sistema de gestão de pessoas do Poder Executivo Federal com o objetivo de prejudicar as entidades sindicais.

O processo recebeu o nº 1032944-57.2020.4.01.3400 e foi distribuído para 4ª Vara Federal Cível de Brasília-DF.

A AJN informou, após ajuizar a ação, que aguarda a apreciação do pedido de tutela de urgência que pode, se concedido, suspender os efeitos do Decreto 10328/2020.

Download

Baixe aqui a petição inicial da Ação de Procedimento Ordinário com pedido de Tutela Provisória de Urgência contra o Decreto nº 10328/2020 ajuizada pela AJN do SINASEFE (formato PDF, tamanho A4, 24 páginas).

Conteúdo relacionado

*Matéria escrita com informações da AJN do SINASEFE

instagram default popup image round
Follow Me
502k 100k 3 month ago
Share