Cartazes: cortes na Rede Federal

Compartilhar

No último dia 30 de abril foi anunciado pelo Ministério da Educação (MEC) um contingenciamento de verbas na ordem de 30% para Universidades e Institutos Federais.

O corte, que inicialmente seria para algumas universidades (UFBA, UFF e UnB) por “motivos ideológicos” (as instituições foram acusadas pelo ministro Abraham Weintraub de promover “balbúrdia”), logo se estendeu à toda Rede Federal de Educação, sob chantagem pela aprovação da Reforma da Previdência (PEC 6/2019).

Fato é que caso esta medida não seja derrotada, quase todas as Instituições Federais de Ensino (IFEs) deverão fechar as portas ainda em 2019, sem condições de arcar com despesas básicas como água, energia elétrica, internet e contratos terceirizados (limpeza, segurança, restaurantes universitários etc).

Amanhã (08/05) uma Nota Conjunta sobre o contingenciamento anunciado pelo MEC, assinada por SINASEFE, Andes-SN e Fasubra, deve ser lançada.

Até lá, para auxiliar as seções sindicais na denúncia deste ataque, trazemos três cartazes com o gráfico exposto acima para download e impressão. Baixe-os nos links abaixo:

Conteúdo relacionado