Notícias

Nota da CEA: a vida acima dos lucros

A Confederação de Educadores Americanos (CEA) publicou em Nota Oficial a sua posição diante da pandemia da COVID-19 e da crise econômica.

Confira abaixo o texto em sua integralidade:

A vida acima dos lucros

Diante da pandemia da chamada COVID-19, que não respeita fronteiras, nem gênero, nem se restringe a nenhum grupo social, que leva consigo a morte de tantas pessoas no planeta e que criou uma situação vista poucas vezes de comoção social, política e econômica, os trabalhadores da Ibero-América, organizados nas seguintes entidades regionais e continentais: Confederação de Educadores Americanos (CEA), Federação de Sindicatos Docentes Universitários da América do Sul (Fesiduas), Intersindical da Espanha (STES), Intersindical Valenciana (SEPTV), Intersindical das Ilhas Baleares (STEI), Federação Nacional de Professores de Portugal (Fenprof), Federação de Sindicatos de Trabalhadores Universitários da América Central, México e Caribe (Fesitrauncamc) e Educadores Solidários da Espanha, representando mais de 5 milhões de filiados.

Compreendemos que é de suma urgência, hoje mais do que nunca, que sejam retiradas as barreiras e bloqueios que existem em nosso continente, em especial a que leva décadas de assédio sobre a nação e o povo cubano, que, dada a situação atual, se converte em um ato inadmissível e incompatível com o desenvolvimento normal da vida humana, que atenta contra os direitos fundamentais das nações, dos povos e das pessoas.

Se acrescenta a isso o exemplo da República de Cuba, ao enviar seus profissionais de saúde para fazer frente à pandemia, desde linha de frente do trabalho, nos lugares mais diversos do mundo, sem distinção de ideologias, credos religiosos, nem nenhum tipo de singularidades que os distingue normalmente.

Lamentavelmente quando o mundo deveria ir na direção da paz e do respeito ao direito alheio, promovendo a solidariedade como motor e solução às mais diversas situações que se apresentam, vemos com decepção que se intensificam as ações de cerco e de caráter belicista, como ocorre hoje também com a Venezuela, que não somente não contribuem na criação de uma zona de integração e paz no nosso continente, mas promove a loucura da guerra que se soma à já tão difícil situação que atravessa toda a humanidade.

Hoje, mais do que nunca, os trabalhadores e trabalhadoras da Educação dizem um basta à tanta irracionalidade e nos unimos à luta junto aos mais necessitados, confirmando mais uma vez a mensagem inicial: a vida acima dos lucros!

Tradução

A tradução da Nota Oficial da CEA do espanhol para o português foi realizada pela diretora do SINASEFE Elenira Vilela.

Download

Baixe aqui a Nota Oficial da CEA em formato PDF (texto original, em espanhol; formato PDF, tamanho A4, duas páginas).

instagram default popup image round
Follow Me
502k 100k 3 month ago
Share