NotasNotícias

Nota da DN: solidariedade aos professores da Rede CNEC

O SINASEFE manifesta seu apoio à greve dos trabalhadores da base do Sindicato dos Professores de Macaé e Região (Sinpro Macaé-RJ), deflagrada neste momento tão adverso em que vivemos – de pandemia da COVID-19 e de crise econômica mundial.

Os profissionais da Educação da Rede Campanha Nacional de Escolas da Comunidade (CNEC) estão há vários meses com atrasos no pagamento dos seus salários, agravando ainda mais suas condições financeiras e de vida neste momento de calamidade pública por qual passa o país.

A entidade patronal se aproveita da crise sanitária para impor redução salarial e, como se não bastasse, cortar quase 20% do valor pago pela hora-aula para os professores em Rio das Ostras-RJ.

Trata-se de um aviltamento que merece todo nosso rechaço: as irregularidades nos pagamentos salariais durante o período da pandemia da COVID-19 agridem os profissionais e as suas famílias.

Nesta conjuntura tão difícil, os patrões querem jogar nas costas dos trabalhadores a conta da crise, intensificando a devastação e corrosão das condições de vida e trabalho. E, para catalisar esse processo, foi tragicamente necessário que uma pandemia ocorresse, para demonstrar que os interesses empresariais não são convergentes com a defesa da Educação de Qualidade – que requer condições de trabalho dignas aos educadores.

É necessário que o Ministério Público do Trabalho (MPT) intervenha e garanta os direitos reivindicados pelos trabalhadores da base do Sinpro Macaé-RJ!

Em defesa da vida, da proteção aos empregos e ao pagamento regular de salários (que garantem o sustento das famílias)! Em apoio à resistência dos professores da Rede CNEC!

Brasília-DF, 18 de junho de 2020
Direção Nacional do SINASEFE

Conteúdo relacionado

instagram default popup image round
Follow Me
502k 100k 3 month ago
Share