NotasNotícias

Repúdio à demissão de Áureo Cisneiros

Diante da exoneração arbitrária do trabalhador Áureo Cisneiros pelo governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), o SINASEFE manifesta seu repúdio contra essa decisão autoritária, bem como expressa total solidariedade ao trabalhador, que foi um dos fundadores da Frente Antifascista e Antirracista de Policiais Brasileiros e já presidiu o Sinpol-PE.

Esse ato inaceitável do Governo de Pernambuco atinge diretamente todas e todos que lutam por um país mais justo, igualitário, inclusivo e soberano. É um perigoso precedente de ataque à democracia, à diversidade de pensamento e aos movimentos sociais, no momento em que o autoritarismo e o arbítrio se tornam prática corrente do atual Governo Federal, sob o comando de Jair Bolsonaro.

O SINASEFE se coloca ao lado dos que exigem a imediata reintegração de Áureo Cisneiros e reafirma seu compromisso contra a criminalização das lutas por melhores condições de vida e trabalho.

Lutar por uma vida digna não é crime!
Não calarão a voz dos trabalhadores e do movimento sindical!
Reintegração, já!

Brasília-DF, 7 de janeiro de 2020
SINASEFE NACIONAL

instagram default popup image round
Follow Me
502k 100k 3 month ago
Share