Reunião do Fonasefe

Compartilhar

Foi realizada ontem (07/04), de maneira virtual, uma reunião do Fonasefe. A principal pauta da reunião foi a conjuntura política nos atuais tempos de pandemia e isolamento social.

Confira abaixo o relatório da reunião em sua integralidade:

Reunião do Fonasefe

Local: Virtual
Data: 07/04/2020
Entidades presentes: Andes-SN, Asfoc-SN, Assibge-SN, Condsef, CSP-Conlutas, Fasubra Sindical, Fenasps, Sinal, SINASEFE e Sindifisco Nacional
Pauta: Informes; Conjuntura e luta dos servidores; Outros encaminhamentos

Informes

Andes-SN: no momento da pandemia e de isolamento social, está trabalhando em duas linhas, uma para dentro da categoria incentivando, via seções sindicais, secretarias regionais e pela direção nacional, ações políticas e culturais de forma virtual, inclusive na defesa dos direitos dos servidores públicos. Para isso reorganizou sua comunicação, com a inclusão de lives semanais, campanhas de cards, entrevistas semanais etc. Na outra linha, está buscando realizar e incentivar, via seções sindicais, ações de solidariedade com os segmentos da classe trabalhadora mais pauperizados e em especial residentes nas periferias, através de doação de mantimentos e material de higiene, carro de som nas periferias, programas de rádio, doação de equipamentos de proteção para as pessoas que estão na linha de frente nas favelas. Avalia que o Fonasefe deve fazer ações voltadas para a defesa do funcionalismo público.

Asfoc-SN: tem atuado de forma incessante no enfrentamento à pandemia. A Fiocruz, como instituição importante na linha de frente, tem se desdobrado para dar as respostas que a população precisa. A Asfoc-SN está em plantão permanente procurando ampliar a inserção em campanhas de solidariedade diversas aos mais afetados pela crise. Essas campanhas envolvem articulação com diversos movimentos como o Levante Popular da Juventude, moradores dos territórios próximos à Fiocruz e movimentos sociais e populares. Nesta terça-feira (07/04), Dia Mundial da Saúde, aproveitamos para ressaltar a importância da saúde, da revogação da EC nº 95/2016 e da defesa dos serviços públicos. Estivemos em mobilização, mesmo à distancia, para pressionar e impedir a aprovação das Emendas nº 4 e nº 5 da PEC 10/2020. Continuamos nas análises diárias de como contribuir nesse momento difícil do país. Ações jurídicas em andamento para proteção dos direitos e benefícios dos trabalhadores. Alem disso, a Asfoc-SN já divulgou posicionamento defendendo o isolamento social amplo como forma de proteção da vida e a antecipação do pagamento da renda mínima para atender aos mais vulneráveis, que já estão sofrendo os impactos da pandemia.

Assibge-SN: instalada a crise sanitária, a Assibge-SN passou a reivindicar que fosse suspensa a coleta presencial de dados, não só pelo risco que tal trabalho representa para os trabalhadores, mas também apontando o risco destes se tornarem vetores de transmissão. Com a coleta presencial suspensa, passou-se então a monitorar a trabalho presencial que restou, tomando medidas para que este se dê somente onde realmente é imprescindível. Paralelamente, a Assibge-SN tem promovido campanhas com o objetivo de conectar as pessoas, produzindo materiais que dialogam com a crise sanitária em curso, incitando a solidariedade entre as pessoas, conectando-os com os problemas que nos afligem cotidianamente, alertando sobre os ataques à classe trabalhadora. Neste momento, após a instalação apressada do teletrabalho, a Assibge-SN realizará uma pesquisa para aferir as condições deste tipo de trabalho.

Encaminhamentos

  1. Construir um documento político com a posição do Fonasefe sobre a crise da pandemia da COVID-19, apresentando os eixos defendidos pelo Fórum sobre as medidas e os projetos em debate. Eixo central do documento: “A vida acima do lucro! Em defesa dos serviços e dos servidores público para combater a pandemia da COVID-19!”. Comissão responsável por elaborar o documento até quarta-feira (08/04): Andes-SN, Asfoc-SN, Assibge-SN, CSP-Conlutas e SINASEFE. Esse documento deverá ser divulgado entre as entidades e também será enviado para os parlamentares;
  2. Pressão sobre os parlamentares para não votarem exclusivamente pautas relacionadas à COVID-19. O documento político (referido no ponto acima) será enviado para todo o Congresso Nacional;
  3. Construção de um documento simplificado com a posição do Fonasefe para distribuição ampla nas redes sociais. Comissão responsável por elaborar o documento: Andes-SN, Asfoc-SN, Assibge-SN, CSP-Conlutas e SINASEFE;
  4. Realizar levantamento com as empresas de mídia para produzir vídeo do Fonasefe com o seguinte eixo: “Em defesa dos serviços e dos servidores públicos e contra a redução salarial dos servidores”. Comissão responsável por fazer o levantamento: Andes-SN, Asfoc-SN, Assibge-SN, CSP-Conlutas e SINASEFE;
  5. Elaboração de abaixo-assinado virtual com o seguinte eixo: “Em defesa dos serviços públicos e contra a proposta de redução salarial dos servidores públicos”. Entidade responsável por elaborar o abaixo-assinado: Andes-SN;
  6. Orientar a realização de reuniões virtuais dos fóruns dos servidores nos Estados;
  7. Realização de live semanal do Fonasefe, com impulsionamento pago nas redes sociais, todas às quintas-feiras, às 18 horas, com a participação de três entidades com palestrantes e uma entidade com mediador. Para esta quinta-feira (09/04), o SINASEFE realizará a mediação e participarão Asfoc-SN, CSP-Conlutas e Sindifisco Nacional. Organização de cotização das entidades para garantir o patrocínio virtual. Entidades que já confirmaram o pagamento da cota: Andes-SN, Asfoc-SN, CSP-Conlutas, Fenasps, SINASEFE e Sindifisco Nacional. Valor da cota: R$ 200, a ser utilizada nas próximas semanas.
  8. Criação de spot para divulgação em rádios e no WhatsApp. Comissão responsável: Andes-SN, Asfoc-SN, Assibge-SN, CSP-Conlutas e SINASEFE. Fazer levantamento da possibilidade de patrocinar o conteúdo por meio de algum youtuber ou influencer. Entidade responsável: SINASEFE.
  9. Construção de uma nota para distribuição à imprensa com as posições do Fonasefe. Comissão responsável por elaborar o documento: Andes-SN, Asfoc-SN, Assibge-SN, CSP-Conlutas e SINASEFE.
  10. Fazer orçamento para confecção de vídeo com o seguinte eixo: “Em defesa dos serviços e servidores públicos”. Comissão responsável por conseguir o orçamento: Andes-SN, Asfoc-SN, Assibge-SN, CSP-Conlutas e SINASEFE.

Próxima reunião

Próxima reunião virtual será realizada na terça-feira (14/04), às 8h30min. Responsável pela organização será o Andes-SN.