SeçõesNotícias

SSCMRJ denuncia condições precárias de trabalho

Denunciando diversas condições precárias de trabalho, a Seção Sindical do Colégio Militar do Rio de Janeiro (SSCMRJ) oficiou o comando da instituição nesta segunda-feira (07/06). Desrespeito com o tempo de expediente, trocas de horários de trabalho, falta de planejamento & instruções contraditórias por parte de diferentes setores, descumprimento do regimento do colégio, falta de condições igualitárias oferecidas aos alunos em ensino remoto e a ausência de aplicação de protocolos de segurança são alguns dos itens enumerados pelos trabalhadores.

Saúde física e mental
Além de enumerar e detalhar as denúncias, a seção sindical destaca o recorrente adoecimento dos servidores e a urgência da tomada de medidas para preservação da saúde física e mental, além da segurança, de toda a comunidade do Colégio Militar do Rio de Janeiro. “É de conhecimento público o doloroso aumento dos casos de adoecimento de servidores do CMRJ submetidos a condições estressantes de trabalho como as relatadas acima, e o fato do Comando não aparentar a tomada de qualquer atitude a respeito de superá-las é muito negativo para a imagem pública da instituição. Se um Colégio é formado de pessoas adoecidas, não há como ter um CMRJ saudável” destaca o ofício da SSCMRJ.

Denúncia completa
Confira abaixo a denúncia na íntegra:

Conteúdo relacionado