Tempo real: Reunião Ampliada de Rearticulação da CNESF

Compartilhar

Acompanhe abaixo a cobertura em tempo real das atividades e debates da Reunião Nacional Ampliada de Rearticulação da CNESF de 21 de novembro de 2019, em Brasília-DF.

Indicando a participação na Plenária em Defesa dos Serviços Públicos, das Estatais, do Brasil e dos Trabalhadores, a construção de uma greve do serviço público e a realização de um Dia Nacional de Lutas na primeira semana de dezembro, Reunião Ampliada foi finalizada às 18h25min desta quinta-feira (21/11). A íntegra dos encaminhamentos e do Manifesto aprovado estarão disponíveis em breve.

Para debater calendário de lutas, grupo optou por interromper a transmissão ao vivo do evento.

Último ponto de pauta da reunião, que debaterá o regimento interno da Coordenação, e ainda o manifesto em defesa dos Serviços Públicos, também tem transmissão ao vivo. Acompanhe:

Pausa para o lanche, antes do último ponto da pauta do evento. Doces, salgados, sucos e refrigerantes, compõem o cardápio.

Após as duas palestras da Mesa sobre Reforma Sindical, participantes se inscrevem para comentar o tema:

Trabalhos desta tarde são retomados com o debate da Reforma Sindical. Cíntia Fernandes, do escritório Mauro Advogados e Aristeu Neto, do Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos palestram sobre o tema.
Em sua intervenção, focada na PEC 196/2019, Cíntia fez um rápido panorama da situação atual do regramento para entidades sindicais e comentou que existem mais de 15 propostas para alterar a legislação, sete delas tratando de unicidade e liberdade.
Aristeu comentou a desconfiança geral dos sindicatos quanto a proposta do governo Bolsonaro e abordou alguns aspectos históricos do sindicalismo brasileiro. Defendendo que a organização sindical se conecta diretamente com a luta de classes, e é diferente em cada país, ele destacou que em nenhum outro lugar existem tantas centrais quanto no Brasil.

Transmissão ao vivo dos debates vespertinos da Reunião:

Considerações finais dos dois palestrantes da Mesa sobre Reforma Administrativa – Neuriberg Rêgo (Contatos Assessoria Política) e Cacau Pereira (Ibeps) – encerraram a manhã da Reunião Ampliada da CNESF, com os participantes saindo para o intervalo do almoço:

Após as duas palestras da Mesa sobre Reforma Administrativa, o microfone foi aberto aos presentes à Reunião Ampliada da CNESF:

Mesa sobre Reforma Administrativa da Reunião Ampliada da CNESF teve como palestrantes Neuriberg Rêgo (Contatos Assessoria Política) e Cacau Pereira (Ibeps), que avaliaram o pacote amplo de Reforma do Estado enviado por Bolsonaro e Paulo Guedes ao Congresso Nacional no dia 5 de novembro. Cada um teve 30 minutos para expôr suas ideias.

Palestrantes falaram em linhas gerais que se o governo conseguir desindexar e desvincular os investimentos da União, conforme proposto nas PECs já apresentadas, desresponsabilizando o Estado da maior parte dos serviços no qual atende os cidadãos, a desigualdade social pode aumentar e o Brasil pode entrar em colapso social:

O SINASEFE NACIONAL está representado na Reunião Ampliada da CNESF pelas diretoras Camila Marques (Coordenação Geral), Lucrécia Iacovino (Pasta de Comunicação), Jane Miranda (Suplente) e Jeanne Bittencourt (Pasta Jurídica) e pelos diretores David Lobão (Coordenação Geral) e Michel Torres (Pasta de Comunicação).

A representante do SINASEFE na CEA, Cátia Farago (Sinasefe IF Baiano-BA), e membros de seções sindicais (Sintef-PB) também estão na Reunião:

Após apresentações das entidades que organizaram a Reunião Ampliada, foi aberto o painel de conjuntura política com palestra da professora Sarah Granemann (UFRJ). A docente lembrou da história da CNESF e das lutas contra os governos de FHC, citando a Coordenação como “o melhor espaço em que ela militou” por conta da CNESF se organizar nacionalmente e nos estados, fazendo as unidades necessárias com os servidores públicos estaduais e municipais sempre que era preciso.

A situação da economia e dos capitais na crise atual; a situação do Estado e a articulação das forças que o mantém; e a realidade das classes sociais e dos seus embates foram os pontos abordados no painel:

Transmissão ao vivo da abertura e dos primeiros debates da Reunião:

Reunião Nacional Ampliada de Rearticulação da CNESF foi aberta com saudações das entidades que organizaram o evento. Andes-SN, Asfoc-SN, Assibge-SN, CSP-Conlutas, Fenasps e SINASEFE (representado pelo coordenador geral David Lobão) fizeram falas na mesa:

Transmissão ao vivo da abertura e dos primeiros debates da Reunião: