Notícias

Fonasefe aprova calendário de lutas

Em reunião realizada na última terça-feira (07/01), em Brasília-DF, o Fonasefe aprovou um calendário de lutas para o primeiro trimestre do ano.

O destaque do calendário foi a Campanha Salarial de 2020, que terá mobilização nas bases até o final de janeiro e será aprovada em Reunião Ampliada dos servidores federais no dia 10 de fevereiro, com lançamento previsto para acontecer dois dias depois (em 12/02).

Os eixos da Campanha Salarial 2020 serão:

  1. Defesa do serviço público.
  2. Defesa das carreiras e dos direitos do funcionalismo público.
  3. Contra a redução da jornada de trabalho com redução salarial.
  4. Denúncia dos impactos das Reformas Previdenciária e Administrativa nas carreiras e nos salários do funcionalismo público.

Outro destaque foi a convocação de uma Greve Geral em Defesa dos Direitos e dos Serviços Públicos para o dia 18 de março – data em que as centrais sindicais estão convocando um Dia Nacional de Paralisação, Mobilização, Protestos e Greves e que o Fórum Pelos Direitos & Liberdades Democráticas está convocando uma Greve Nacional da Educação e Contra as Privatizações.

Calendário

Confira abaixo todas as datas do calendário de mobilização que foi aprovado:

  • 06 a 31/01: Atividades de preparação da Campanha Salarial 2020, em todas as bases.
  • 15/01: Reunião das Assessorias de Imprensa do Fonasefe, em Brasília-DF, às 10 horas.
  • 15/01: Reunião do Fonasefe, em Brasília-DF, às 14 horas.
  • 21/01: Reunião das Assessorias Jurídicas do Fonasefe, em Brasília-DF.
  • 21 a 25/01: Fórum Social das Resistências, em Porto Alegre-RS.
  • 24/01: Mobilização do Dia Nacional do Aposentado, em todo o Brasil.
  • 10/02: Reunião Ampliada do Fonasefe, em Brasília-DF.
  • 12/02: Ato na Câmara dos Deputados, em Brasília-DF, às 10 horas.
  • 12/02: Lançamento da Campanha Salarial 2020 do Fonasefe, em Brasília-DF, às 14 horas.
  • 08/03: Mobilização do Dia Internacional de Luta das Mulheres, em todo o Brasil.
  • 18/03: Greve Geral em Defesa dos Direitos e dos Serviços Públicos, em todo o Brasil.

Outros encaminhamentos

  • Fazer uma Campanha em Defesa das Organizações Sindicais para se contrapor aos ataques do governo aos sindicatos e ao direito de organização da classe trabalhadora.
  • Construção de uma Carta do Fonasefe às Centrais Sindicais pautando a necessidade de uma Greve Geral da Classe Trabalhadora para 18 de março.
  • Indicar que as bases dos servidores públicos federais articulem e/ou se incorporem às Frentes e/ou Fóruns de Defesa dos Serviços Públicos de cada estado.

Relatório

Baixe aqui o relatório completo da Reunião do Fonasefe de 7 de janeiro – arquivo em formato PDF.

Veja também

instagram default popup image round
Follow Me
502k 100k 3 month ago
Share